REGRAS DE ACENTUAÇÃO

Apresentaremos, nesses próximos quatro blocos, as regras de acentuação gráficas atualizadas, conforme o atual VOLP (Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa), vigente desde 1º/1/2009.

Essas novas formas unificam a escrita dos 8 países que se expressam no idioma Português – o 5º mais falado no mundo – por estes países: Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor Leste, totalizando 290 milhões de habitantes. Eis as regras:

Proparoxítonas – são as palavras cuja tonicidade maior recai na antepenúltima sílaba, e todas elas são acentuadas.

Exemplos: lâmpada; árabe; ínterim; estatística; álcool; elétrico; lúcido; lógica; amávamos; acadêmico; enérgico; louvaríamos etc.

Paroxítonas – são as palavras cuja tonicidade maior recai na penúltima sílaba, e recebem acento gráfico somente as palavras paroxítonas terminadas em:

✉ Fique Atualizado!



Rádio On-line Vivência Espírita

ã(s) e ão(s) – ímã(s); órfã(s); órfão(s); sótão(s); bênção(s) etc.;

i(s) – júri(s); tênis; táxi(s); lápis etc.;

on(s) – íon(s); próton(s); nêutron(s); plâncton(s); córion(s)* (córion: membrana que envolve o feto; derme);

us e um(ns) – vírus; bônus; Vênus; álbum(ns); fórum(ns) etc.;

ps – bíceps; tríceps; fórceps; Quéops etc.;

r – mártir; éter; júnior; açúcar; repórter etc.;

x – tórax; cálix; fênix; Félix; látex; ônix* (ônix: mármore com camadas policrômicas);

n – éden; cânon; hífen; pólen; eléctron etc.;

l – túnel; fácil; móvel; nível; amável; cônsul etc.

Nota 1: para fixar a regra destas 4 letras finais: “R”, “X”, “N” e “L”, associe-as à palavra rouxinol, abolindo as vogais.

Nota 2: as paroxítonas terminadas em: a(s); e(s); o(s); em(ens) e am não recebem acento gráfico.

Exemplos: rubrica(s); boda(s); aquele(s); corte(s); coco(s); item(ns); venderam.

(Continua no próximo bloco)

Para reflexão: – Religião é para aqueles que querem ser guiados;

                       – Espiritualidade é para aqueles que escutam a voz interior (a voz de Deus).

 

Antonio Nazareno Favarin Antonio Nazareno Favarin
Professor de Português, Revisor de livros de São José dos Campos-SP.
---------- Publicidade ---------- ---------- Publicidade ----------

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.