Como poderemos considerar meritória a participação de homens destinados a missões redentoras em mundos como o nosso de provas e expiações? Como Jesus nos alertou que apareceriam falsos deuses e falsos profetas, complemento aqui àqueles falsos missionários. Com certeza eles existem e não são poucos aqueles que assim se classificam. Não será, portanto, que por um “posto” adquirido numa determinada religião que se transformará, de um dia para outro, um homem comum para um verdadeiro missionário em nome de Jesus. Aqui demandam, tempo, vivências, doações ao próximo, merecimentos.

Não é fácil a estrada que conduz à verdadeira causa missionária, pois que existem missionários e Missionários. No trajeto desses segundos, são conquistadas e praticadas várias vertentes do Bem Genuíno, ou seja, a paciência, a piedade, a compreensão, a humildade, a persistência, a simplicidade, o ânimo sempre forte… Nessas várias nuanças da Caridade, os Espíritos esclarecidos conquistam, por competência, o patamar daqueles propriamente Missionários, na mesma faixa vibratória onde se encontram hoje Espíritos da classe de Jesus: Gandhi, Madre Teresa de Calcutá, Irmã Dulce, Chico Xavier…

Obreiros da Vida Eterna Missões

Clique para saber mais sobre o livro

No livro, “Obreiros da Vida Eterna” do espírito André Luiz, psicografado pelo médium Chico Xavier o qual faço meus humildes comentários, analisávamos a palestra do instrutor Albano Metelo, onde ele fortalecia os laços dos irmãos ali reunidos nos planos espirituais para a prática do verdadeiro amor. Nesse auditório, estavam reunidos espíritos consagrados a muitas missões principalmente aquelas voltadas tanto para o socorro no mundo físico quanto para o mundo espiritual. Entre elas iremos analisar algumas.

✉ Fique Atualizado!



Rádio On-line Vivência Espírita

Após o término da palestra, o instrutor despediu-se dos vários caravaneiros que tinham se agrupado segundo seus objetivos próprios. Segundo André Luiz nos relata: “Consagravam-se alguns ao amparo de criminosos desencarnados…”. Como podemos observar nesse trecho, ninguém permanece no inferno eterno segundo algumas religiões. Todos têm chances de apurar suas dívidas. Até os criminosos são amparados com o objetivo único de reaverem as suas faltas e a de procurarem se adequar à Justiça Divina diante das suas vítimas do passado. “… outros ao socorro de mães aflitas, colhidas inesperadamente pelas renovações da morte…”. Como é triste para essas mães ao chegarem ao mundo espiritual e defrontar com a morte – sendo Vida Eterna – a recapitular as suas descrenças, agora em aflições com os filhos deixados no mundo. “… outros, ainda, interessavam-se pelos ateus…”. Surpreenderá a muitos, tal narrativa, em que até mesmo aquelas criaturas que negam a presença de um Pai Criador e Justo em suas vidas, sejam auxiliadas a encarar um erro tão grave. Tenho comigo que não existem ateus na significação do termo, onde cada um deles classifica Deus, como uma Força, uma Energia, uma Presença, mas sem denominação alguma. São as inúmeras vertentes da fé que se faz angariar a Espiritualidade Maior para aproximar os filhos ainda sem instrução espiritual, inconscientes, provisoriamente, do Seu verdadeiro valor. Entendeu bem o que lhes passei Leitor Amigo? Cap.1-L

Aécio Emmanuel Cesar

Leia o segundo artigo de continuação: Missões (Parte 2) por Aécio Cesar

---------- Publicidade ---------- ---------- Publicidade ----------

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.