Empatia: Por Que as Pessoas Empáticas Serão os Líderes do Futuro? / Jaime Ribeiro / 159 Páginas / Letramais Editora / ☆☆☆☆☆

SkoobGoodreads

Ooooieee!

Daí eu vi que o livro Empatia: Por que as pessoas empáticas serão os líderes do futuro? do Jaime Ribeiro estava disponível no Kindle Unlimited e me joguei.

Bora para a resenha conferir todos os detalhes.

(Clique aqui para conhecer o conteúdo exclusivo no Instagram)

RESUMO:

Em um tempo em que as pessoas estão permanentemente conectadas e nunca houve tanta informação e conteúdo disponíveis, as habilidades humanas se tornam as maiores fortalezas individuais para construir uma sociedade melhor. A empatia será a habilidade mais requisitada em um futuro muito próximo, dominado pelas interações digitais. 

Entender o outro, ser capaz de liderar, educar e até mesmo programar as inovações tecnológicas serão desafios mais fáceis para aqueles que são capazes de se colocar no lugar dos outros, tomando melhores decisões. Jaime Ribeiro traz a importância do desenvolvimento de habilidades necessárias em nós para lidarmos com um mercado de trabalho cada vez mais competitivo e dinâmico, característico da era digital. 

Esta obra também auxilia no desafio de educar uma geração a cada dia mais centrada em si mesma, que prefere enviar mensagens de texto a falar, permanecendo conectada à internet mais de oito horas por dia e, durante este tempo, vem expressando suas emoções por meio de emojis. O autor nos convida a revermos nossos próprios hábitos e, em seguida, nos ajuda a reconstruirmos a empatia perdida ao longo das últimas gerações.

O livro vai discorrendo sobre as questões empáticas como o ser humano, sua tendência a sentir empatia e por onde anda esse sentimento.

O autor aborda também problemas atuais sempre com histórias e pesquisas como exemplos. Fala sobre as famílias na atualidade, como o grito se tornou a nova palmada, os vícios em celulares e videogames, de como os indivíduos sem religião são mais empáticos que as religiosas, as empatias na política e casamento e a importância dos livros e como se está se perdendo o hábito da leitura.

Nessa última, Jaime conta a história do seu sobrinho. O pai criou muitas expectativas que o rapaz iria ler seus quadrinhos e o menino não se interessou. Jaime, então, propôs um clube do livro para ele voltar a ler e indicou uma série de livros. O jovem devorou todos os volumes em semanas. Ou seja: Muitos pais vêem nos filhos as reproduções das suas vontades, sem perceberem as individualidades dos seres humanos.

A obra traz a tona a linha muito tênue da empatia. Qual o ponto onde a empatia se torna uma dependência camuflada. Como exemplo o autor conta a história de um rapaz que vivia em um relacionamento de mão única e dizia ser empatia pela esposa porque, provavelmente, ela deveria ter alguns problemas nessas questões.

Outro ponto tênue e comentado é a empatia “quando lhe convém” e o autor cita os exemplos da solidariedade em Paris e o mesmo não aconteceu em Mariana e outras situações que precisavam de empatia. Trazendo para os dias atuais: A maioria se preocupar com questões ambientais no “estrangeiro” e nem ligar para o que está acontecendo na Amazônia.

O livro também aborda os pontos positivos da empatia como os líderes se colocando nos lugares dos funcionários e vice-versa para todos entenderem as importâncias das funções. E também o quão se colocar na “pele” do outro foi essencial para o bullying ter acabado em uma escola.

A leitura e o texto são fluídos e fáceis de serem entendidos. Se tiver tempo se consegue ler em um dia.

Daí vem a pergunta: “Mais Ju! Esse livro não é espírita de jeito nenhum”. É sim! Sabe caridade, fraternidade e amor ao próximo? Tudo isso resume-se a uma palavra: Empatia!

Minha gente! Eu quero morar nessa obra. Como faz? É um soco no estômago atrás do outro. Sem palavras de tão sensacional. Jaime merece todos os parabéns do mundo.

Onde Achar:

Disponível em formato físico e e-book:

(Blog recebe comissão por venda)

Já leu Empatia? Me conta a sua experiência de leitura nos comentários.

Qualquer dúvida ou sugestão é só escrever nos comentários ou enviar um e-mail para [email protected]

Beijos!

---------- Publicidade ---------- ---------- Publicidade ----------

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.