BLOG DR INACIO FERREIRA

XLII – REFLEXÕES SOBRE O LIVRO “LIBERTAÇÃO” – ANDRÉ LUIZ/CHICO XAVIER POR DR. INÁCIO FERREIRA

Encerrando o capítulo VII, Gúbio esclarece que “existem, ainda, nos setores da luta humana, milhões de renascimentos de almas criminosas que tornam ao mergulho da carne premidas pela compulsória do Plano Superior, de modo a expiarem delitos graves”.

 

A assertiva acima impõe certas reflexões:

 

“… almas criminosas que tornam ao mergulho da carne premidas pela compulsória do Plano Superior…” – Como funcionaria, neste caso, a denominada “compulsória”?! Como, afinal, se dará a reencarnação dessas almas criminosas, que, evidentemente, são contrariadas em sua vontade?!

 

– Sabemos que, para reencarnar, o espírito carece de passar pelo “restringimento” de seu corpo espiritual… A palavra, dentre outros, tem como sinônimo: declínio, encolhimento, abate, apoucamento, minguamento… Para essas almas criminosas, o restringimento aconteceria de forma natural, ou sob alguma espécie de constrangimento?! O que pensam os nossos internautas?!…

 

André, que havia estranhado que os três “ovóides” renasceriam na condição de filhos do casal de fazendeiros, registra a palavra esclarecedora de Gúbio:

 

– Em ocorrências dessa ordem, a individualidade responsável pela desarmonia reinante converte-se em centro de gravitação das consciências desequilibradas por sua culpa (destacamos) e assume o comando dos trabalhos de reajustamento, sempre longos e complicados, de acordo com os ditames da Lei.

 

(…) Os princípios de atração governam o Universo inteiro. Nos sistemas planetários e nos sistemas atômicos vemos o núcleo e os satélites. Na vida espiritual, os ascendentes essenciais não diferem(destacamos). Se os bons representam centro de atenção dos espíritos que se lhes afinam pelos ideais e tendências, os grandes delinquentes se transformam em núcleos magnéticos das mentes que se extraviaram da senda reta, em obediência a eles.

✉ Fique Atualizado!



Rádio On-line Vivência Espírita

Que maravilha!…

 

Eis a metafísica da Lei de Causa e Efeito!…

 

Algozes e vítimas se imantam por compromissos de ordem moral que, em essência, se expressam por fenômeno de natureza física.

 

Assim como os planetas (e não apenas os planetas, mas também todos os corpos menores) do Sistema “descendem” do Sol, por sua vez, o Sol guarda a obrigação de sustentá-los e iluminá-los, até que, por assim dizer, se lhe reintegrem à “massa”.

 

O Sistema Solar nos leva a inferir sobre o nosso “relacionamento” com Deus, ou o Criador. “Pois nele vivemos e nos movemos, e existimos…” – disse Paulo, em Atos dos Apóstolos, capítulo 17, versículo 28.

 

A Missão de Jesus, Sol das Almas, Luz da Vida, é a de fazer com que passemos a orbitar ao Seu redor, para que, com Ele passemos a nos reintegrar à “Massa Divina”, seja lá a terminologia que os nossos internautas queiram empregar.

 

Quase no derradeiro parágrafo do capítulo, o Instrutor, acariciando a fronte do espírito daquela mulher desventurada, diz em prece:

 

– Transportará consigo três centros vitais desarmônicos e, até que os reajuste na forja do sacrifício, recambiando-os à estrada certa, será, na condição de mãe, um imã atormentado ou a sede obscura e triste de uma constelação de dor.

 

Assim, quantos de nós, pela culpa adquirida no pretérito, ou no presente, nos transformamos em “sedes” obscuras e tristes “de uma constelação de dor”?! Claro, não apenas na condição de mãe, mas também de pai, de filho, de neto, enfim, de irmão!…

INÁCIO FERREIRA

 

Uberaba – MG, 8 de abril de 2019.

 

Fonte: http://inacioferreira-baccelli.blogspot.com/2019/04/xlii-reflexoessobre-o-livro-libertacao.html

Antonio Nazareno FavarinDr. Inácio Ferreira
Blog do Dr. Inácio Ferreria mantido pelo medium Carlos A. Baccelli
Site Oficial: Mediunidade na Internet
---------- Publicidade ---------- ---------- Publicidade ----------

Adicionar Comentário

clique aqui para deixar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.