SINAL VERDE

Sim à Vida! pelo espírito Auta de Souza

Sim à Vida!

Espalha, alma querida, meiga e mansa,
Aos pobres e descrentes contumazes
A fé e o entendimento que já trazes
Por cântico de vida e de esperança…

O amor é vibração que fulge e alcança
A dor e o infortúnio mais vorazes
Daqueles que padecem incapazes
De soerguer a própria confiança…

Esparge, assim, à luz da caridade,
A excelsitude da imortalidade
Por onde grassa a treva suicida…

E com Jesus marchando estrada afora
Levemos aos aflitos, sem demora,
A paz que sempre entoa  “sim à vida”!

AUTA DE SOUZA

(Mensagem psicografada no C.E. Eurípedes Barsanulfo, de Pindamonhangaba, na noite de 24 de Maio de 2017, por Ari Rangel)

 

 

Adicionar Comentário

clique aqui para deixar um comentário