EM PROSA OU VERSO

Serpentina por Thiago S. Baccelli

No carnaval tem alegria,
Tem festa todo o dia.
Mas não perca a sua dignidade,
Pra que não tenha contrariedade.

Em meio a tantos mascarados
Seja fiel ao seu retrato.
Em meio a pierrôs apaixonados
Com a colombina sele contrato.

Então a leve pra passear pelo samba enredo do coração.
Permita se levar pela intrépida batida de nova canção.
Esqueça de tanto confete
E não seja marionete.

Não tem problema vestir a fantasia,
Seja na prosa ou na poesia.
Mas o que importa é a honestidade,
O caráter, a ombridade.

A serpentina é devassa
E vê se não esquece,
Que a ilusão logo passa
E o amanhã floresce.

Thiago Silva Baccelli

Serpentina

✉ Fique Atualizado!



Rádio On-line Vivência Espírita

Adicionar Comentário

clique aqui para deixar um comentário