BLOG DR INACIO FERREIRA

Como Você Interpreta?! – XXV por Dr. Inácio Ferreira

Prosseguindo a refletir sobre o capítulo 32 – “Notícias de Veneranda” –, da reveladora obra “Nosso Lar”, após a explanação inicial de Narcisa, André Luiz questiona sobre a natureza do mobiliário existente dos salões dos parques do Ministério do Esclarecimento… Notemos bem: m ob i l i á r i o! Em outras palavras, André se interessa em saber pelos “móveis” que compõem os salões, formados por “um verdadeiro castelo de vegetação”! Evidentemente, ele perguntava sobre mesas, cadeiras, possíveis estantes, etc. Perguntamos aos que consideram tudo o que existe no Mundo Espiritual como sendo fruto da mente: André Luiz teria sido iludido a tal ponto de não conseguir distinguir um objeto abstrato de um concreto?! Aos que vêm rotulando a sua obra de ficção, insistimos: por que, em nenhuma página de suas volumosas obras, sequer en passant, ele não se preocupa em esclarecer aos seus leitores, dizendo que estivesse fazendo literatura espírita de ficção?! Quando se refere à Natureza em “Nosso Lar”, mencionando o reino mineral, o vegetal e o animal, estaria ele apenas preocupado com literatura?! Se assim é, o que nos garante que, quando fala do reino hominal, além da morte, também não estivesse simplesmente compondo personagens imaginárias para as suas obras?! Eis algumas poucas perguntas que, respeitosamente, endereçamos aos nossos internautas, e aos adeptos da tese de que tudo, no Planeta Espiritual seja fruto de uma ilusão de natureza mental.

Ainda digno de nota é o que Narcisa diz ao autor espiritual de “Nosso Lar”, quando se refere às comemorações do Natal – do Nascimento de Jesus –, no mês de Dezembro, demonstrando que certas tradições terrestres continuam sendo cultivadas pelos desencarnados – pelo menos, nas Dimensões mais próximas da Crosta, de vez que, com certeza, nas Superiores, apegos a eventos assinalados pelo calendário humano já devem ter sido superados, embora, de nossa parte, acreditemos que o Advento de Jesus, descendo a Terra, essa pobre Esfera de nosso Sistema Solar, seja motivo de reverência em todas as demais Esferas do Sistema.

 

Falando, agora, um pouco mais sobre Veneranda, Narcisa afirma que ela “é a entidade com maior número de horas de serviço na colônia e a figura mais antiga do Governo e do Ministério, em geral. Permanece em tarefa ativa, nesta cidade, há mais de duzentos anos.”

 

Novamente: se tudo o que existe no Mundo, ou Planeta, Espiritual, é de “mentirinha”, poderosa alucinação que, desde a Codificação, e mesmo antes dela, tem acometido a cabeça de inúmeros autores espirituais – inclusive, a do Cristo, que fala na existência de muitas moradas na Casa do Pai! –, por que Veneranda haveria de se preocupar em trabalhar tanto na cidade de “Nosso Lar”, onde, há mais de dois séculos, se encontrava em serviço ativo?! Trabalhar, fazendo o quê?!…

✉ Fique Atualizado!



Rádio On-line Vivência Espírita

Para os chamados “puristas”, que vêm apregoando um “retorno” à Obra Kardeciana, rotulando a Obra Xavieriana de perturbação psíquica da parte do Médium, o Mundo Espiritual só serve como “estação de transição” para que o espírito possa, na primeira oportunidade, reencarnar – não serve para mais nada! Ora, até a Bíblia descreve o Éden, ou o Paraíso, com a sua exuberante Natureza, acolhendo, inclusive, a serpente, “mais sagaz eu todos os animais selváticos que o SENHOR Deus tinha feito”

Para os “puristas”, considerados, por eles mesmos, “kardecistas da gema”, toda a Vida existe em função da matéria, e não do espírito, de vez que a Vida só tem utilidade quando o espírito está a pelejar nos campos da matéria grosseira! O Mundo Espiritual é apenas “trampolim” para uma nova existência terrena, de vez que, além da morte, nada se faz – não se estuda, não se trabalha, não se copula… Ops! Desculpem-me! De fato, para os “puristas”, o perispírito deve mesmo ser destituído de genitália, apenas não sabendo eu, nas culminâncias de minha ignorância, como é que, sendo o perispírito o MOB – “Modelo Organizador Biológico” –, através do qual o corpo carnal se organiza, ele, lisinho da silva, pode formar pênis e vulva, e, em alguns casos, anômalos, os dois de uma vez em um só corpo…

Apenas para encerrar, ainda sobre Veneranda, Narcisa esclarece: “Intimamente, ela vive em zonas muito superiores à nossa e permanece em ‘Nosso Lar’ por espírito de amor e sacrifício. Soube que essa benfeitora sublime vem trabalhando, há mais de mil anos, pelo grupo de corações bem-amados que demoram na Terra, e espera com paciência.”

 

O Senhor, por certo, haverá de continuar esperando, com paciência, pelos “puristas” e, igualmente, por nós outros, impuros de corpo e alma!…

 

INÁCIO FERREIRA

 

Uberaba – MG, 18 de setembro de 2017.

 

Fonte: http://inacioferreira-baccelli.blogspot.ae/2017/09/como-voceinterpreta-xxv-prosseguindo.html

Antonio Nazareno FavarinDr. Inácio Ferreira
Blog do Dr. Inácio Ferreria mantido pelo medium Carlos A. Baccelli
Site Oficial: Mediunidade na Internet

Adicionar Comentário

clique aqui para deixar um comentário